Bem-vindo -
11/06/2021

Fila angustiante: 38 pacientes em Bauru aguardam um leito Covid

A crise na saúde pública de Bauru em meio à pandemia segue ganhando contornos mais dramáticos a cada dia. Nesta quinta-feira (10), os hospitais continuavam superlotados e a fila de espera por vagas de internação subiu ainda mais. De acordo com o município, 38 pacientes com confirmação ou suspeita da Covid-19 aguardavam nas unidades de urgência por um leito.

Desse total, 17 são pessoas com a forma grave da doença e que precisam de uma UTI. As outras 21 esperam por um leito de enfermaria em hospitais do Estado. A Prefeitura de Bauru destaca que esses pacientes "recebem todo o suporte, com equipe multiprofissional, medicamentos e exames", contudo, é de consenso que a estrutura é aquém da oferecida pelos hospitais.

Além da espera angustiante dos pacientes e das suas famílias por um leito, a permanência desses doentes na rede municipal também colabora para a sobrecarga nas unidades de emergência, como é o caso das UPAs, uma vez que os internados demandam cuidados mais complexos da equipe. Inclusive, esse foi um dos fatores apontados para o colapso que as unidades têm vivido nos últimos dias.

MORTES À ESPERA

A fila de espera já deixa um trágico saldo para a cidade. Desde o início da pandemia, mais de 100 pessoas morreram em Bauru sem ter acesso a UTIs em hospitais do Estado.

Para se ter uma ideia, dos dez óbitos provocadas pela Covid-19 anunciados ontem (leia mais abaixo), quatro se enquadram nesta situação.

TUDO LOTADO

Se a fila de espera por leitos aumenta de um lado, a superlotação dos hospitais públicos referenciados para atender a Covid-19 cresce do outro, gerando uma equação de tirar o sono para as autoridades.

Nesta quinta, segundo informe municipal, a ocupação das UTIs do Hospital Estadual (HE) e do hospital de campanha do HC era de 117%. Havia, assim, 12 pacientes graves internados acima do que a estrutura de 70 leitos comporta.

Outras 13 pessoas ainda estão em tratamento intensivo no "mini-hospital", que funciona no PS Central, após o credenciamento desses leitos.

Com mais dez óbitos, mortes por coronavírus chegam a 940

Prefeitura de Bauru/Divulgação

A Prefeitura de Bauru, por meio do Departamento de Saúde Coletiva, informou, nesta quinta-feira (10), mais dez mortes pelo coronavírus, totalizando 940 vítimas fatais desde o início da pandemia no município.

Além dos novos óbitos (confira o perfil no quadro), há, ainda, outras oito mortes suspeitas em investigação pela Vigilância Epidemiológica.

Também foram contabilizados mais 331 novos casos da Covid-19 ontem, totalizando 45.879 confirmações desde o início da pandemia. Desse montante, 41.410 são considerados curados.



Fonte: JC Net
Compartilhe!
Deixe seu comentário
Marília Urgente - Sua Notícia em Marília
© Copyright 2019 Marília Urgente - Sua Notícia em Marília. Todos os direitos reservados.