Bem-vindo -
05/03/2021

Morto pela Covid, Ruy Scarpino foi treinador do MAC em 2008

Técnico também enfrentou o Marília em dez jogos por seis clubes diferentes
Um dos grandes treinadores do futebol do interior paulista morreu nesta quarta-feira (dia 3) pela manhã, em decorrência da Covid-19. Ruy Scarpino, de 59 anos, estava internado desde o último domingo (28), no Hospital Samel, na capital do Amazonas. Internado às pressas quando se preparava para deixar o Estado, após ser demitido do Amazonas FC. Ele teve uma piora no quadro e com 80% dos pulmões comprometidos, foi entubado no início da semana.
 
Ruy Scarpino comandou o Marília Atlético Clube (MAC) em 2008, nas últimas sete rodadas do Campeonato Paulista da Série A-1, salvando o time do rebaixamento. Ele ainda dirigiu a equipe nas três primeiras partidas do Brasileiro da Série B, antes de ser demitido. No total foram dez jogos com: três vitórias, quatro empates e três derrotas (43,3% de aproveitamento).
 
No comando de seis agremiações, enfrentou o Marília em dez ocasiões e leva desvantagem nos confrontos. Ganhou três, empatou dois e perdeu cinco com: Itapirense, São Bernardo FC, Rio Branco, Santo André, Grêmio Barueri e Ituano. Com o clube de Itu foi campeão do Paulistão de 2002 e do Brasileiro da Série C de 2003. Na semifinal da Copa Paulista de 2003, eliminou o time B do Marília, mas perdeu o título para o Santo André.
 
Natural de Vitória-ES, Ruy Scarpino atuou como goleiro por vários clubes brasileiros, como a Ferroviária, e há mais de 20 anos vem desempenhando a função de treinador de futebol. No interior de São Paulo, passou por vários clubes: Sertãozinho, Atlético Sorocaba, União Barbarense, São José, Capivariano, Catanduvense, Red Bull, Linense, Noroeste e Taquaritinga.

Ele também trabalhou em outros clubes brasileiros, como: Campinense-PB, Maranhão-MA, Altos-PI, Moto Club-MA, Cuiabá-MT, Ceará-CE, América-RN e Goiânia-GO, além do Amazonas-AM, onde estava até semana passada. Ruy Scapino foi mais um técnico com grande destaque a morrer vítima do coronavírus. Em dezembro do ano passado, Marcelo Veiga, de 56 anos, também faleceu pela doença.

Fonte:JM
Compartilhe!
Deixe seu comentário

Veja
Também

Marília Urgente - Sua Notícia em Marília
© Copyright 2019 Marília Urgente - Sua Notícia em Marília. Todos os direitos reservados.