Bem-vindo -
02/08/2021

Pesquisa nacional indica que 51% dos brasileiros vão comprar presente de Dia dos Pais com antecedência

O contexto trazido pela pandemia fortaleceu os laços familiares e as pessoas puderem compreender a importância de cada membro. A partir desta concepção, as datas comemorativas adquiriram um valor mais especial. O Dia dos Pais é uma data que está ganhando reconhecimento cada vez mais no Brasil.

Mesmo que este ano a celebração seja mais uma vez em pandemia, segundo os dados da pesquisa “Dia dos Pais” do Instituto Behup de 2021, 71% das pessoas participantes afirmaram ter sentimentos positivos para a data deste ano. E de oito a cada dez pessoas acreditam que a data sempre vai ser importante. Já para 73%, a data é necessária para ter um dia de tranquilidade.

Ainda de acordo com a pesquisa, a data do Dia dos Pais está ficando atrás apenas do Dia das Mães. As estatísticas confirmam esta informação com 35% das pessoas entrevistadas na pesquisa dizerem que a data dos pais é a segunda mais importante do ano para elas. Em 2020, esta importância foi registrada com 52%, em 2021 aumentou para 61%.

Em relação as compras de Dia dos Pais, em 2020 houve uma queda de 10,6% no comércio físico e o impacto maior foi nas compras on-line, segundo dados do Serasa Experian. Entretanto, para este ano, as compras on-line continuam em crescimento aliado à movimentação, em busca da normalidade, do comércio físico.

A pesquisa do Instituo Behup comprova que a cada dez pessoas sete irão comprar algum presente para o familiar, e que os dois tipos de comércio estão se desenvolvendo juntamente. O registro é de 33,7% de vendas sendo feitas em loja física de comércio local e/ou de bairro e 31,3% nas lojas on-lines dos sites que vendem diversas marcas.

Segundo o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Ourinhos (ACE), Robson Martuchi, realmente o cenário de vendas do comércio físico neste ano está em um cenário mais favorável em relação ao ano passado. “Logo no início da pandemia, o comércio sofreu grandes impactos, mas o comerciante buscou se reinventar utilizando de alternativas digitais para o processo de vendas e estar mais próximo do consumidor. Inclusive, o uso das redes sociais tem favorecido uma maior movimentação da economia local. O cliente está tendo a opção de escolher o produto no ambiente digital e optar por buscar no estabelecimento ou receber no conforto de sua casa, via o sistema de delivery”, contou o presidente.

De fato, o aumento em uso de canais digitais como aliado da loja física está em uma crescente evolução. Na pesquisa do Instituto Behup, o uso das plataformas delivery registraram 05% em 2020 e 9,6% em 2021, um aumento de 92%. O uso das redes sociais em 2020 foi de 09% e 11% em 2021, aumento de 21%.

Um dos fatores importantes no momento de compra de algum presente é o valor do produto. “Os nossos consumidores podem realizar suas compras sem preocupações, as lojas do nosso comércio sempre fazem alguma promoção para ajudar o cliente. Principalmente, nesta época de pandemia, e uma pessoa tão importante em nossa vida não merece ficar sem receber este carinho em forma de algum presente”, falou Robson.

Por fim, o objetivo dos brasileiros, conforme os dados da pesquisa, é de gastar em um valor próximo gasto em 2020. E mais da metade dos entrevistados pretendem gastar o mesmo valor gasto no Dia das Mães. Além de que 35% pretendem comprar o presente na semana do Dia dos Pais, 33% 15 dias antes, 18% um mês antes, 19% na data e 05% já compraram, com preferência para itens de perfumaria e vestuário.

Com informações da ACE


Fonte: Passando A Régua
Compartilhe!
Deixe seu comentário

Veja
Também

Marília Urgente - Sua Notícia em Marília
© Copyright 2019 Marília Urgente - Sua Notícia em Marília. Todos os direitos reservados.